Gilmar Lopes é o campeão na abertura do Circuito Caixa em Goiânia

Publicado em: 12/04/2012

01/04/2012 13h41 – Atualizado em 01/04/2012 13h42

Por GLOBOESPORTE.COMRio de Janeiro

corrida caixa 2012 goiânia (Foto: Luiz Doro / adorofoto)

Na disputa pelo lugar mais alto do pódio, entre os gêmeos Gilmar e Gilberto Silvestre Lopes, quem fez bonito foi Gilmar, realizando uma chegada sensacional na abertura do Circuito de Corridas da Caixa, em Goiânia, na manhã deste domingo. O atleta igualou o recorde da prova na cidade, com 29m54s, que era de Giomar Pereira da Silva, marca obtida em 2009.

- Estou treinando para obter o índice para o Mundial de Meia Maratona e só decidi vir para Goiânia na sexta-feira – contou Gilmar, vice-campeão do Ranking Caixa/CBAt em 2011, atrás do tetracampeão Giomar Pereira.

Os brasileiros destacaram-se na prova que atraiu dois mil corredores. Além dos irmãos, José Márcio Leão da Silva foi terceiro, seguido de Giomar. Os quenianos Kiprotich Jacob Kemboi e Joseph Aperumoi, considerados favoritos, foram apenas quinto e sexto colocados.

circuito caixa corrida goânia (Foto: Luiz Doro / adorofoto)Queniana ocupa o lugar mais alto do pódio feminino
(Foto: Luiz Doro / adorofoto)

No feminino, domínio absoluto das quenianas Maurine Jelagat Kipchumba e Tecla Chebet. A melhor brasileira foi Roselaine de Souza Silva, terceira colocada. A segunda etapa do Circuito de Corridas da Caixa será uma novidade nos nove anos do evento: uma prova noturna, em Uberlândia, no dia 12 de maio.

- Esta é minha estreia no Circuito Caixa e quero ser campeã este ano, tanto que vou correr todas as provas – disse Roselaine Silva.

 

Classificação

Masculino
1) Gilmar Silvestre Lopes – 29m54s
2) Gilberto Silvestre Lopes – 29m54s
3) José Márcio Leão da Silva – 30m05s
4) Giomar Pereira da Silva – 30m12s
5) Kiprotich Jacob Kemboi (Quênia) – 30m27s

Feminino
1) Maurine Jelagat Kipchumba (Quênia) – 35m40s
2) Tecla Chebet (Quênia) – 36m01s
3) Roselaine de Souza Silva – 36m13s
4) Conceição de Maria Carvalho Oliveira – 36m56s
5) Eliane Pereira Silva – 37m06s

 

Deixe seu comentário