Atletas Pé de Vento Vencem corridas do trabalhador em Petrópolis e Brasilia

Publicado em: 02/05/2018

Petrópolis, 1° de maio é comemorado o dia do trabalhador em diversas parte do mundo, em Petrópolis em a Corrida do Trabalhador com  percurso  de 5,3 quilômetros pelas ruas do Centro Histórico. A largada aconteceu na sede da prefeitura, que fica na Avenida Koeler, e segue pela Praça da Liberdade, Rua Monsenhor Bacelar, Rua Rocha Cardoso, Rua Washington Luiz, Rua do Imperador, Rua Floriano Peixoto, Rua Alberto Torres, Avenida Ipiranga, retornando para a prefeitura. Durante o trajeto, serão dois postos de hidratação para os corredores.

A vitória ficou por conta do atleta da Pé de Vento José Gutembergue Ferreira, que venceu de ponta a ponta, sem dá chance as adversários, seguido por Guilhermes da Pnatas, e de seus colega de equipe José Eloy, Tiago Lima, e João Marcos, A Pé de Vento foi a equipe de grande destaque com um número grande de participante entre eles o treinador e medico Dr. Henrique, participou da do evento completando o percurso de da prova.

A Corrida do Trabalhador foi a primeira prova que vai dar pontos para o ranking municipal de atletas. Além dela, outros seis eventos no município somam pontos para a tabela: Petrópolis-Itaipava, XC Run, Corrida do Palácio Amarelo, Desafio By Day, Petrópolis Night Run e Corrida Master. No final do ano, os corredores mais bem colocados serão premiados pela prefeitura, através da Superintendência de Esportes e Lazer.

A proposta é valorizar os atletas de alto rendimento da cidade e motivar a participação de mais pessoas nas provas que contam, em média, com mil pessoas. O treinador da equipe BIO2, Mauro Pereira, destaca que a criação do ranking vai valorizar as provas que acontecem em Petrópolis. Segundo ele, muitos corredores deixam de participar dos eventos da cidade, já que não existia premiação para os vencedores.

“O objetivo principal do ranking é motivar os atletas a participar dos eventos do município. De uma maneira geral, também acredito que vai aumentar o número de participantes nas provas de Petrópolis. Desde o início do ano, eu e o Hingo já vínhamos conversando sobre a importância da criação dessa pontuação e acredito que ele fortalece o esporte na cidade”, disse Mauro.

 

 

Deixe seu comentário